BIENAL DE SÃO PAULO \'\'INCERTEZA VIVA\'\'
30
jun 2017
14
ene 2018

Compártelo en redes

Cuándo: 30 jun de 2017 - 14 ene de 2018
Inauguración: 30 jun de 2017
Dónde: Museu de Arte Contemporânea de Serralves / Rua D. João de Castro, 210 / Oporto, Porto, Portugal
Comisariada por: João Ribas
Organizada por: Museu de Arte Contemporânea de Serralves
Artistas participantes: Carla Filipe, Gabriel Abrantes, Lourdes Castro
Enlaces oficiales Web 
Publicada el 25 ene de 2017      Vista 110 veces

Descripción de la Exposición

PARQUE: 30 DE JUNHO A 24 DE SETEMBRO DE 2017 MUSEU: 15 DE SETEMBRO A 14 DE JANEIRO DE 2018 A Bienal de São Paulo foi fundada em 1951 e é a segunda bienal mais antiga do mundo a seguir à Bienal de Veneza, que foi inaugurada em 1885 e lhe serviu de modelo. A Bienal tem como objetivo aproximar a arte brasileira do público internacional e vice-versa. Ao refletir as tendências mais marcantes no cenário artístico global, é considerada, com a Bienal de Veneza e a Documenta de Kassel, um dos três principais eventos do circuito artístico internacional. Depois da bem sucedida colaboração com a Bienal de São Paulo em 2015, o Museu de Arte Contemporânea de Serralves apresenta uma nova edição da Bienal durante o ano de 2017. Serralves volta a receber uma seleção dos trabalhos apresentados na exposição de São Paulo. Sob o título "Incerteza viva” [Live Uncertainty], a 32a Bienal de São Paulo procura refletir sobre as atuais condições de vida e as estratégias oferecidas pela arte contemporânea para acolher ou habitar incertezas. A exposição acontece de 10 de setembro a 12 de dezembro de 2016 no Pavilhão Ciccillo Matarazzo, reunindo aproximadamente 90 artistas e coletivos – entre eles os portugueses Gabriel Abrantes, Lourdes Castro, Priscila Fernandes e Carla Filipe. Em Serralves, a mostra será reconfigurada de acordo com o contexto físico, social e cultural da cidade do Porto e do Parque e Museu de Serralves, iniciando em junho com uma grande apresentação de obras que ocupará diferentes locais do Parque e, em setembro, com uma seleção de obras apresentadas no Museu. As obras de arte selecionadas, desde pinturas e esculturas até vídeos e instalações, condensam as ideias da exposição brasileira, e resultam de um diálogo entre o curador desta edição da Bienal, Jochen Voltz, e o Diretor Adjunto do Museu de Serralves, João Ribas. A exposição, organizada pelo Museu de Arte Contemporânea de Serralves, é comissariada por João Ribas, Curador Sénior e Diretor Adjunto do Museu e Jochen Voltz, Curador da 32.ª Bienal de São Paulo.

Obras expuestas en Bienal de São Paulo ''Incerteza Viva'' (1 Obras)


Actualizado

el 06 dic de 2017 por ARTEINFORMADO

Contactar

¿Quieres contactar con el gestor de la ficha?

Descubre más obras en ARTEINFORMADO

TODO SOBRE MI MA..., 2015
Beatriz Villavicencio
Efimera, 2014
Txuca Pereira
Compártelo en redes

¡En promoción!

08 feb de 2018 - 12 feb de 2018

ZⓈONAMACO 18

Centro Citibanamex / Ciudad de México, Distrito Federal, México

ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

Más información

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme
volver arriba