Conoce aquí algunas de las NUEVAS OBRAS que te sugerimos esta semana
África revisitada. Imagen cortesía Zipper Galeria
Evento finalizado
06
nov 2018
12
ene 2019

Compártelo en redes

Cuándo: 06 nov de 2018 - 12 ene de 2019
Inauguración: 06 oct de 2018 / 19:00
Dónde: Zipper Galería / Rua Estados Unidos, 1494 / São Paulo, Sao Paulo, Brasil
Comisariada por: Alfons Hug
Organizada por: Zipper Galería
Artistas participantes: Nástio Mosquito
Enlaces oficiales Web 
Etiquetas:
Publicada el 31 oct de 2018      Vista 21 veces

Descripción de la Exposición

O curador Alfons Hug traz à Zipper uma seleção de trabalhos que estiveram no maior panorama da arte contemporânea africana já exibido no país, a coletiva “Ex Africa”, que itinerou pelas sedes do CCBB durante 2018. Com trabalhos de J. D. 'Okhai Ojeikere (Nigéria, 1930-2014), Leonce Raphael Agbodjelou (Benin, 1965), Nástio Mosquito (Angola, 1981) e Karo Akpokiere (Nigéria, 1981), a mostra “África revisitada”, aberta a partir de 6 de novembro na galeria, reúne um pequeno vislumbre de um universo imenso e ainda muito inexplorado pelo público no país. “A identidade africana moderna é marcada por uma diversidade de encontros culturais e interações, por processos de intercâmbio e aculturações. Se, inicialmente, esses processos diziam respeito à Europa e à América, hoje em dia, e acompanhando a globalização, também se estendem a outras partes do mundo. Logo, a arte africana movimenta-se na zona de tensão entre diversos arquivos: tradicionais e modernos, coloniais e pós-coloniais, locais e globais, cosmopolitas e aqueles influenciados pela diáspora”, afirma o curador que, desde a década de 1980, vem curando exposições de artistas do continente africano. A coletiva na galeria busca as relações entre os trabalhos de quatro artistas de três países da África. Do nigeriano J. D. 'Okhai Ojeikere, a mostra reúne a destacada série de fotografias de penteados femininos que refletem a revolução da estética ocorrida após o processo de independência daquele país nos anos 1960. Ainda no terreno da fotografia, a série “Code Noir” do artista Leonce Raphael Agbodjelou, de Benin, retrata integrantes da comunidade de Porto-Novo, sua cidade natal desenvolvida originalmente a partir de um porto português para venda de escravos. Agbodjelou faz uma narrativa visual da África e de seu processo de colonização, em locações cuidadosamente selecionadas, em busca de registros de um passado esquecido.

Actualizado

el 07 nov de 2018

Descubre más obras en ARTEINFORMADO

{{ artwork.title | limitTo:16 }}, {{ artwork.year }}
{{ artwork.artistName | limitTo:28 }}

Noticias relacionadas

Compártelo en redes
ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

Más información

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme
volver arriba