Enseña tus OBRAS en ARTEINFORMADO. ¡Cada día, más personas las miran!
APOSTO 2.0 | Lisboa
Evento finalizado
10
oct 2015
10
oct 2017

Compártelo

Cuándo: 10 oct de 2015 - 10 oct de 2017
Inauguración: 10 oct de 2015 / 10:00
Horario: Todos os dias, durante todas as horas (intervenção urbana)
Precio: Entrada gratuita
Dónde: Residência Artística HS13rc / Rua Heliodoro Salgado, 13 / Lisboa, Portugal
Comisariada por: Fábio Carvalho
Organizada por: Residência Artística HS13rc
Artistas participantes: Fábio Carvalho
Enlaces oficiales Web  Blog 
Correo electrónico: fabiocarvalho2105@gmail.com
Etiquetas:
Eventos relacionados: Ocupação Olympia - Gamboa, Ocupação Monarca - Lisboa, Rejunte
Publicada el 28 abr de 2016      Vista 385 veces

Descripción de la Exposición

Depois de passar 30 dias na Residência Artística HS13rc entre fevereiro e março de 2015, quando desenvolveu o projeto de intervenção Urbana APOSTO Fábio Carvalho retornou a Lisboa entre outubro de novembro do mesmo ano para realizar a segunda fase do projeto. Na primeira fase do projeto, o artista criou dois novos padrões de azulejo, a partir de fotos de peças da série "Delicado Desejo". A série "Delicado Desejo" é composta por armas de fogo criadas a partir de um patchwork de diversas rendas. Os novos padrões de azulejo foram impressos em papel, e depois aplicados com cola de amido em diversas fachadas de prédios lisboetas onde os azulejos originais já estavam em falta, por deterioração ou roubo. Nenhum azulejo real foi encoberto pelos azulejos de papel do artista. A escolha entre um ou outro dos padrões criados pelo artista era feita de acordo com o tipo de padrão de azulejo de cada fachada, dependendo se estes eram do tipo "1x1" (basta 1 azulejo para se ter o desenho completo) ou "2x2" (quando são necessários de 4 a 7 azulejos para se formar o(s) desenho(s) principais). Os azulejos de papel, ao mesmo tempo que causam um certo estranhamento ao olhar, podem ser por vezes facilmente confundidos com os azulejos originais. Nesta segunda fase, batizado de APOSTO 2.0, Fábio Carvalho criou uma variedade de novos padrões para seus azulejos de papel, “sob medida”, projetados para rebater o padrão original dos azulejos já nas paredes, visando um aprofundamento do diálogo entre o padrão original na fachada e o padrão criado pelo artista. Desta forma, cada fachada será completada com um desenho de azulejo desenvolvido especialmente para aquele prédio. Os projetos de arte urbana de Fábio Carvalho atuam como pequenas inserções, peças que invadem o espaço quase como um parasita. As peças aparecem mais por tensionarem o que já está lá, em vez de impor-se de cima para baixo a um espaço. As peças exigem uma certa intimidade para entrar em ação. Eles permanecem dormentes até que você as ative com o seu olhar. Eles não gritam - sussurram.

Documentos relacionados

Actualizado

el 29 abr de 2016

Contactar

¿Quieres contactar con el gestor de la ficha?
Compártelo
Noticias relacionadas

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme