Cartas de Alécio de Andrade
Evento finalizado
20
oct 2018
24
mar 2019

Compártelo en redes

Cuándo: 20 oct de 2018 - 24 mar de 2019
Inauguración: 20 oct de 2018 / 17:00
Dónde: IMS - Instituto Moreira Salles / Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea / Rio de Janeiro, Brasil
Organizada por: IMS - Instituto Moreira Salles
Artistas participantes: Alécio de Andrade
Enlaces oficiales Web 
Etiquetas:
Publicada el 16 oct de 2018      Vista 20 veces

Descripción de la Exposición

“Uma arte vinculada com a mais fugitiva e perene das realidades poéticas, eis o dom sublime de Alécio de Andrade”. Com essas palavras, Carlos Drummond de Andrade descreveu a primeira exposição do fotógrafo carioca. Nascido no Rio de Janeiro, Alécio de Andrade (1938-2003) desenvolveu grande parte de seu trabalho em Paris, cidade na qual viveu desde 1964 e contribuiu com veículos como a Manchete, além da conceituada agência Magnum. Ao longo de sua trajetória, manteve um constante diálogo com intelectuais brasileiros, como o próprio Drummond. Esse exercício de troca constante que permeia sua produção é o tema da mostra Cartas de Almir de Andrade, Carlos Drummond de Andrade, Antonio Bulhões, Ismael Cardim, Roberto Alvim Corrêa, Marco Aurélio Matos, Elza Proença, Marques Rebelo, Otto Lara Resende, Fernando Sabino a Alécio de Andrade, que o IMS Rio apresenta entre os dias 20 de outubro de 2018 e 24 de março de 2019. A exposição, que tem curadoria de Patrícia Newcomer, companheira do fotógrafo, mãe de seus filhos e fundadora de seu arquivo em Paris, e de Sergio Burgi, coordenador de fotografia do IMS, reúne cerca de 45 retratos realizados pelo fotógrafo durante toda a sua carreira, muitos dos quais inéditos. São imagens de escritores, artistas e outras importantes figuras brasileiras, com quem Alécio conviveu no Brasil e, especialmente, em Paris. A seleção inclui retratos de Drummond, Sabino, Otto Lara Resende, Paulo Mendes Campos, Hélio Pellegrino, Vinicius de Moraes, Ferreira Gullar, Oscar Niemeyer, Glauber Rocha, Celso Furtado, Mario Pedrosa e Lygia Clark, entre outros. A maior parte das obras data das décadas de 1970 e 1980. Muitas dessas personalidades retratadas se corresponderam, por anos, com o fotógrafo. A mostra apresenta um conjunto de cartas originais destinadas ao carioca, escritas por Drummond, Antonio Bulhões, Marques Rebelo, Otto Lara Resende, entre outros. Esses textos também estarão presentes na publicação Cartas de Almir de Andrade, Carlos Drummond de Andrade, Antonio Bulhões, Ismael Cardim, Roberto Alvim Corrêa, Marco Aurélio Matos, Elza Proença, Marques Rebelo, Otto Lara Resende, Fernando Sabino a Alécio de Andrade, que o IMS lança por ocasião da mostra. O livro é organizado e editado por Patrícia Newcomer. A relação entre texto e imagem proposta pela curadoria busca aproximar o público do universo afetivo e criativo do fotógrafo, além de evidenciar as relações entre a França e o Brasil no período, quando muitos intelectuais e artistas deixaram ou se afastaram do país durante a ditadura militar. Em 2008 o IMS adquiriu 265 fotografias de Alécio de Andrade, às quais juntaram-se uma série especial de 88 imagens do Louvre para a exposição O Louvre e seus visitantes e também para o livro homônimo, lançado em 2009 pelo IMS e pela editora francesa Le Passage.

Actualizado

el 26 dic de 2018

Descubre más obras en ARTEINFORMADO

{{ artwork.title | limitTo:16 }}, {{ artwork.year }}
{{ artwork.artistName | limitTo:28 }}
Compártelo en redes
15 may - 27 jun
Residencia en Barcelona, España
ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

Más información

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme
volver arriba