Osmar Dalio — Cortesía de la Galeria Leme
20
feb 2021
19
mar 2021

Compártelo

Cuándo: 20 feb de 2021 - 19 mar de 2021
Inauguración: 20 feb de 2021 / 10 a 16 h.
Dónde: Galeria Leme / Av. Valdemar Ferreira, 130 / São Paulo, Sao Paulo, Brasil
Organizada por: Galeria Leme
Artistas participantes: Osmar Dalio
Publicada el 18 ene de 2021      Vista 21 veces

Descripción de la Exposición

ÉPICA DO ESPAÇO | OSMAR DALIO Texto curatorial: Marilúcia Bottallo Abertura: 20 de fevereiro ÉPICA DO ESPAÇO, exposição das mais recentes obras de Osmar Dalio na Galeria Leme, recupera e expande a essência do que podem significar as interrelações sensíveis e conceituais que derivam naquilo que, na tradição da arte, chamamos de escultura. A formulação com a qual o artista opera nos exige uma conexão com os limites, com os extremos, e nos coloca em uma verdadeira vertigem entre escultura-arquitetura- engenharia-matemática-geometria e todas as articulações e possibilidades para as quais tais processos nos atraem. O espaço é o elemento chave de articulação de todos os componentes de sua pesquisa. Não à toa, as suas obras são intituladas ESPAÇO ESTRUTURADO. Com uma estratégia deliberada de manipulação e de transformação da matéria, aliada a cálculos precisos e um cuidadoso processo de transformação, suas formulações resultam em obras de um grande poder de síntese e associado a inúmeros conceitos ali imbricados. No ambiente da Galeria Leme, explorado por dentro e por fora, a Épica do Espaço se exterioriza em sua plena potência relacional. Os Espaços Estruturados de Dalio intensificam e estimulam nossa experiência com o entorno e deste com os intervalos, as entrelinhas e os vazios, incorporando o elemento temporal, não apenas pela forte relação que as obras propõem entre si, mas nas possibilidades de vivências para as quais nos convidam ou despertam. O material, as dimensões, as escolhas que determinam os agenciamentos entre as partes, a sua deriva no espaço, as texturas, a forma, as articulações e os movimentos são partes da experiência que nos impacta e impregna. O jogo entre as dimensões próprias de suas esculturas exige um olhar ativo que estabelece encadeamentos, vínculos e nexos a partir da inclinação de cada um de nós e das circunstâncias que o artista cria para que, a cada mirada, as obras transpareçam novas possibilidades que vão muito além da constância dimensional tornando-a relativa e, portanto, condicionada às possibilidades de cada indivíduo e, também, das associações que sua colocação no espaço da Galeria acaba por despertar. Como as dimensões são um sistema referencial que obedece a regras físicas, Dalio articula os elementos geométricos de suas esculturas nos oferecendo a oportunidade de intuir como se dá a percepção a partir do vínculo que estabelece com as forças gravitacionais. Espaço Estruturado é, na verdade, um conjunto de esculturas monumentais e independentes entre si, elaboradas e produzidas com extremo cuidado e com uma fundamental precisão de cálculos para que o peso, a resistência, as intersecções, os cortes, os rebatimentos e as justaposições resultem em equilíbrio preciso entre cheios e vazios que, no entanto, nos tiram de uma posição passiva de espectadores. O trabalho com o aço corten, que passa por um longo e calculado processo de oxidação com uso de produtos químicos, lhe dá uma tonalidade única e uma textura aveludada. Todas as soldas, processos de oxidação e acabamentos apontam para um grande esforço do artista em eliminar o gesto deixando que a escultura se apresente em sua plenitude. O acabamento é perfeito e a tonalidade assumida pelo aço corten é intrigante e de uma textura aveludada, o que contrasta com a dureza aparente do material. A própria escolha do aço corten nos leva a pensar nos paradoxos da forma já que sua liga de ferro com carbono é mais resistente a ferrugem e a camada externa conseguida com os banhos corrosivos impede novas oxidações enferrujando somente por fora. Aos axiomas e postulados euclidianos, as obras de Dalio associam-se ao olhar e a operação do artista consciente e apaixonado resultando em uma racionalidade e uma ordem somadas à incompletude – do nosso olhar –, à sensibilidade, às novas perspectivas e ao grandioso. Se a geometria eleva as formas à condição de símbolos e imagens cifradas, as mentes e os corações humanos lhes completam por meio da revelação de nexos, associações e coincidências que geram harmonia, sugerem perfeição e nos aproximam do transcendente. Porque são tão precisas, as obras de Osmar Dalio são, também, profundas, sensíveis, de uma magnitude acima do normal, extraordinárias e belíssimas, em suma, épicas. Sobre o artista: São Paulo, Brasil, 1959. Vive e trabalha em São Paulo, Brasil. Exposições individuais: Planares, Galeria Leme, São Paulo, Brasil (2017); Galeria Millan, São Paulo, Brasil (2000); Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil (1991); Galeria Macunaíma, Fundação Nacional de Arte/ Instituto Nacional de Artes Plásticas, Rio de Janeiro, Brasil; Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil; Gabinete de Arte Raquel Arnaud, São Paulo, Brasil (1990); Desenhos e Objetos, Galeria Sesc Paulista, São Paulo, Brasil (1981). Exposições coletivas: Panorama da Arte Atual Brasileira, Formas Tridimensionais, Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil; 21a Bienal Internacional de São Paulo, Fundação Bienal de São Paulo, São Paulo, Brasil (1991); Macunaíma 89, Fundação Nacional de Arte / Instituto Nacional de Artes Plásticas, Rio de Janeiro, Brasil; 11o Salão Nacional de Artes Plásticas, Fundação Nacional de Arte / Instituto Nacional de Artes Plásticas, Rio de Janeiro, Brasil (1989); Anathemata, Museu de arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil; Arte na Rua 2. Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, Central de Outdoor, São Paulo, Brasil (1984), entre outras. O seu trabalho integra coleções tais como: Ferrovia Paulista FEPASA, Estação Júlio Prestes, São Paulo, Brasil; Museu de Arte de Brasília, Brasília, Brasil e Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil. Abertura: 20 de fevereiro Até 19 de março, 2021 A exposição encontra-se montada no espaço da Galeria Leme. Para visitas presenciais faz-se necessário agendamento prévio através do link http://bit.ly/epica-do-espaco-osmar-dalio

Actualizado

el 18 feb de 2021

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme