Logo do Evento
Evento finalizado
01
sep 2016
04
sep 2016

Compártelo en redes

Dónde: A Casa Da Luz Vermelha / ASBAC - Setor de Clubes Sul, Trecho 2, Conj. 31 / Brasília, Distrito Federal, Brasil
Cuándo : 01 sep de 2016 - 04 sep de 2016
Horario: Leituras de Portfólio Dias: 1º e 2 de setembro Horário: Das 16h às 20h - Oficinas de Fotografia 8 horas/aula Dias: 2 e 3 de setembro Horário: Das 9h às 13h - Mesa-redonda Fotografia Contemporânea no Brasil - Perspectivas e Possibilidades Local: Aud
Precio: Entrada gratuita
Inscripción:

Cerrada desde 01-09-2016

Dirigido a: Artistas
Organizada por: A Casa Da Luz Vermelha
Profesionales participantes: Alexandre Belén, Carlos Carvalho, Diógenes Moura
Enlaces oficiales Web  Facebook 
Etiquetas:
Publicada el 03 ago de 2016      Vista 226 veces

Descripción de la Formación

Brasília recebe em setembro um evento dedicado à fotografia como arte, com a participação de alguns dos mais importantes curadores, críticos e produtores culturais do segmento no país. Durante quatro dias, serão realizadas leituras de portfólio, com premiação para os três melhores trabalhos com uma exposição no Museu Nacional da República, oficinas, debate e feira de troca de fotografia De 1º a 4 de setembro, acontece a primeira edição do Foto Capital, um evento dedicado à fotografia, que reunirá em Brasília alguns dos mais importantes fotógrafos, curadores, produtores culturais e críticos brasileiros para uma jornada dedicada à fotografia como linguagem, poética e arte. Durante os quatro dias de evento, fotógrafos de todo o país poderão se inscrever para as leituras de portfólio, onde seus trabalhos serão avaliados e receberão orientações de nomes como: Alexandre Belém, Carlos Carvalho, Diógenes Moura, Eugênio Sávio, Iatã Cannabrava, Kazuo Okubo, Milton Guran, Nair Benedicto, Renata Azambuja, Rosely Nakagawa, Tiago Santana e Wagner Barja. Os interessados poderão participar das oficinas que abordarão temas como: edição fotográfica, produção cultural em fotografia, livros de fotografia e fotolivros, pesquisas de imagem e linguagem, e do Foto Escambo, evento que busca ampliar a cultura do colecionismo de fotografia e o apreço pela imagem. Ao final do evento, serão anunciados os três melhores portfólios apresentados durante as sessões de leituras, que serão premiados com uma exposição no Museu Nacional da República. As Leituras de Portfólio acontecerão nos dias 1º e 2 de setembro, quinta e sexta-feira, das 16h às 20h, na Galeria A Casa da Luz Vermelha, SCES Trecho 02 Conjunto 31 – ASBAC. Para as leituras de portfólio, as vagas são limitadas a 10 leituras por participante. Para as oficinas, as vagas são limitadas a 12 participantes. Para Kazuo Okubo, fotógrafo e idealizador do Foto Capital, a oportunidade de ter seu portfólio lido por galeristas, críticos e curadores é uma das melhores experiências à qual o fotógrafo pode se submeter. Além de oferecer um direcionamento crítico à obra, abre possibilidades para que o trabalho seja visto por profissionais que realizam exposições e adquirem obras para os acervos de museus e galerias no Brasil e no mundo, além de poder incluir essa experiência em seus currículos. Prêmio Como forma de valorizar a experiência da leitura de portfólio, os participantes serão avaliados pelos leitores participantes do Foto Capital. Os três melhores portfólios serão premiados com uma exposição no Museu Nacional da República, com curadoria de Renata Azambuja, a ser realizada em 2017. Os selecionados terão seus trabalhos impressos e emoldurados pela organização do Foto Capital, oferecendo assim uma oportunidade concreta de exibição do seu trabalho em um dos espaços expositivos mais importantes da capital do país. Os premiados, se concordarem, poderão doar uma de suas obras para o acervo do Museu Nacional da República. Oficinas Nos dias 2 e 3 de setembro, das 9h às 13h, acontecem as Oficinas de Fotografia Edição Fotográfica - Estratégias e Desapego, com Alexandre Belém (12 vagas), Produção Cultural em Fotografia, com Carlos Carvalho (40 vagas), O Olhar não vê. O olhar enxerga, com Diógenes Moura (15 vagas), Introdução e Prática das Narrativas Visuais, com Iatã Cannabrava (15 vagas), O universal está no meu quintal, com Nair Benedicto (15 vagas), O livro de fotografia e o fotolivro, com Rosely Nakagawa (15 vagas), e O livro de fotografia, Terrítório de encontros, com Tiago Santana (15 vagas). Com 8 horas/aula, as Oficinas de Fotografia serão realizadas no Centro Universitário IESB Campus Sul, SGAS Quadra 613/614, Asa Sul. Mesa-redonda Na tarde de domingo, 4 de setembro, em evento aberto a toda a comunidade, Carlos Carvalho, Eugênio Sávio, Iatã Cannabrava, Kazuo Okubo e Wagner Barja participam da mesa-redonda Fotografia Contemporânea no Brasil - Perspectivas e Possibilidades, no Auditório do Museu da República, das 16h às 17h30. O encontro apresentará um panorama sobre as políticas públicas propostas pela Rede de Produtores Culturais de Fotografia no Brasil, além de tratar do momento atual da fotografia no Brasil: Mercado editorial, Festivais e Eventos e a Evolução da Pesquisa Acadêmica. Encerrando a programação, no domingo, das 17h30 às 19h, acontece a terceira edição do Foto Escambo em Brasília, no Auditório do Museu Nacional da República, Esplanada dos Ministérios. A iniciativa criada pelo fotógrafo Hans Georg busca a maior interação entre os fotógrafos e a circulação de trabalhos produzidos por profissionais renomados, iniciantes e amadores. Tem também o objetivo de ampliar a cultura do colecionismo de fotografia e demonstrar o apreço pela imagem. Para participar do Foto Escambo, os interessados poderão imprimir suas fotos no local ou levar até três fotos impressas em tamanho mínimo de 20cm no lado menor, cadastrar seus trabalhos que permanecerão anônimos e serão pendurados em um varal à vista do público. O interessado em levar para casa uma fotografia deverá trocá-la por uma de sua autoria. A participação é gratuita e livre para todos os públicos. Inscrições As inscrições para as Leituras de Portfólio e Oficinas da primeira edição do Foto Capital são gratuitas e as vagas limitadas. Os interessados devem se inscrever pelo site do evento: www.fotocapital.net. A página contém, ainda, maiores informações sobre o perfil dos leitores e o conteúdo de cada oficina. O Foto Capital é uma realização da galeria A Casa da Luz Vermelha, apresentado pelo Fundo de Apoio à Cultura (FAC), Secretaria de Cultura e Governo de Brasília. Apoiam esta iniciativa a Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil (RPCFB), o Museu Nacional, a Canson Infinity e o Centro Universitário IESB. Conheça os leitores de portfólio do 1º Foto Capital Alexandre Belém – Fotógrafo, editor e curador de conteúdo, é responsável pelo Ciclo de Ideias do Festival de Fotografia de Tiradentes desde 2011. Foi curador da Mostra São Paulo de Fotografia (2012 a 2015) e do Encontro Pensamento e Reflexão na Fotografia (2012 e 2013). Fundador da Editora Olhavê, recebeu o Prêmio Marc Ferrez de Fotografia pelos livros Abismo da carne(Ricardo Labastier e Georgia Quintas, 2014) e Inquietações fotográficas – narrativas poéticas e crítica visual (Georgia Quintas, 2014). Foi criador e editor dos premiados blogs Olhavê e Sobre Imagens. Em 2016 editou também os livros 1978, de Gabriela Oliveira; Branca, de Ligia Jardim; e Vigília, de Katia Kuwabara. Editou ainda Ninguém é de ninguém (Rogério Reis, 2015); Baches (Montserrat Baches, 2015); Tempo arenoso (Elaine Pessoa, 2015); Olhavê entrevista(2012); e Man Ray e a imagem da mulher – a vanguarda do olhar e das técnicas fotográficas (2008). Carlos Carvalho - Coordena, desde 2007, o Festival Internacional de Fotografia de Porto Alegre (Fest POA). É colunista da plataforma web LensCulture e editor da revista eletrônica OF Magazine (sobre fotografia brasileira contemporânea, editada em inglês para o público internacional). Coordenou e produziu exposições para grandes nomes da fotografia, como Sebastião Salgado, Thomas Farkas e Nair Benedicto. Atua como leitor de portfólio convidado em festivais internacionais, como o FotoFest Houston (EUA), FotoFest LensCulture/ParisPhoto (França) e Encuentros Abiertos de Buenos Aires (Argentina). Diógenes Moura – Curador, editor e escritor premiado, explora, em seu trabalho, as intersecções entre fotografia e literatura. Foi, durante treze anos, curador da Pinacoteca do Estado de São Paulo (1999 a 2013). Ali promoveu exposições e eventos de reflexão sobre o fazer fotográfico, ganhou diversos prêmios e consolidou o acervo como um dos mais importantes da América Latina. Entre seus projetos curatoriais recentes estão A arte da lembrança – a saudade na fotografia brasileira (Itaú Cultural, 2015); Sombras secas, de Marcelo Greco (Museu da Imagem e do Som – MIS, 2015); Por debaixo do pano, de Nair Benedicto (Casa da Imagem, 2015); Retumbante natureza humanizada, de Luiz Braga (premiada como melhor exposição de fotografia do ano pela Associação Paulista dos Críticos de Arte, em 2014); Busca-me, de Boris Kossoy (2013); Butterflies and zebras, de Mario Cravo Neto (2013); e Andy Warhol – superfície (MIS, 2012). Eugênio Sávio - Fotógrafo e produtor, é responsável pelo Festival de Fotografia de Tiradentes e pelo projeto Foto em Pauta, que há treze anos promove o diálogo entre o público e os grandes nomes da fotografia brasileira. Atual presidente da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil, é professor da PUC Minas, graduado em Jornalismo pela UFMG e mestre em Comunicação e Cultura pela UFRJ. Foi organizador do Seminário História da Fotografia no Circuito Cultural Banco do Brasil, em dezoito capitais brasileiras. Integrou a comissão de seleção do Prêmio Conrado Wessel de Artes em 2012 e 2013. É autor dos livros de fotografia Museu do Oratório (1999); O livro de Sant’Ana: coleção Angela Gutierrez (2001); Fotojornalismo digital no Brasil (2001); Rever o FIT – Festival Internacional de Teatro de Belo Horizonte (2001); Francisco Viera Servas (2002); e Brasil em Foco (2003). Iatã Cannabrava – Fotógrafo, curador e um dos mais conhecidos agitadores culturais do país, atualmente é diretor do Valongo – Festival Internacional da Imagem. Foi, até 2015, coordenador do Festival Internacional de Fotografia Paraty em Foco. É também idealizador e curador do Fórum Latino-americano de Fotografia de São Paulo, realizado pelo Itaú Cultural. É autor dos livros Pagode russo (2014); Uma outra cidade (2009) e Casas paulistas (2000). Suas obras, publicadas em outros oito livros de autoria coletiva, integram os acervos da Coleção Pirelli/Masp, Museu de Arte Moderna de São Paulo, Galeria Fotoptica e Coleção Joaquim Paiva. Entre seus projetos permanentes estão o Madalena Centro de Estudos da Imagem e a Editora Madalena, que fundou há mais de duas décadas, com Claudia Jaguaribe e Cláudia Carreras. Kazuo Okubo - Fotógrafo e galerista, começou sua carreira aos 15 anos, como assistente do pai, Arlindo Okubo. Em 1989, passou à fotografia publicitária, tendo recebido diversos prêmios. Desenvolve trabalhos autorais desde 2003. Há sete anos inaugurou a primeira galeria do Centro-Oeste especializada em fotografia, A Casa da Luz Vermelha, onde coordenou e produziu dezenas de exposições, workshops e eventos. Entre suas exposições individuais destacam-se Minha praia (Prêmio mObgraphia, MIS, 2015); PAISAGimagem (curadoria de Rosely Nakagawa, 2012); Eu te amo (curadoria de Rosely Nakagawa, 2011); e De todas as formas (curadoria de Paulo Faria, 2007). Participou também de coletivas, como Onde anda a onda (Museu Nacional da República, 2015); Brazilian eyes (Miami, 2015); West Encounter East (Miami, 2012) e 11 Photographes Brésiliens (Paris, 2009). Milton Guran - Coordenador geral do Encontro Internacional de Fotografia do Rio de Janeiro (FotoRio), é fotógrafo, pesquisador, mestre em Comunicação (UnB) e doutor em Antropologia (EHESS, França), com pós-doutorado na Universidade de São Paulo (USP). Há mais de vinte anos desenvolve pesquisas sobre as relações do Brasil com a África, especialmente em Benim, Togo, Gana e São Tomé e Príncipe. Por sua contribuição à cultura, recebeu do governo brasileiro a Ordem Nacional do Mérito Cultural (2012) e a Ordem do Rio Branco (2006). Foi professor em diversas universidades e desde 2006 é pesquisador associado do Laboratório de História Oral e Imagem, da UFF. É também consultor do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e membro do comitê científico internacional do projeto Rota do Escravo – Resistência, Liberdade e Patrimônio, da UNESCO. Escreveu os livros Agudás – os brasileiros do Benim (2000) e Linguagem fotográfica e informação (2002), entre outros títulos. Nair Benedicto – Com mais de 45 anos de carreira, possui um trabalho de forte cunho social, premiado e reconhecido no Brasil e no exterior. Suas obras fazem parte do acervo do MoMA (NY), MAM (SP e RJ), MASP (SP) e Patrimônio Histórico da Cidade de São Paulo. Foi fundadora e coordenadora do Núcleo dos Amigos da Fotografia (NaFoto), onde, por vários anos, realizou a curadoria do Mês Internacional de Fotografia de São Paulo. Entre suas atividades em 2016, estão a curadoria do ciclo expositivo Raízes e asas (mar/2015 a dez/2016); a exposição individual Por debaixo do pano (Casa da Imagem, SP); apresentação do vídeo O prazer é nosso; a palestra Fotografia, gênero e cidadania, no encerramento do Fest POA (onde foi a fotógrafa homenageada); e a palestra no Colloque International Paris Sorbonne sobre a pioneira Agência F.4, da qual é fundadora. Renata Azambuja - Pesquisadora, crítica de arte e arte-educadora, integra o conselho curatorial do Espaço Cultural Marcantônio Villaça, da Galeria Espaço Piloto e do Núcleo de Arte Centro-Oeste (NACO). É mestre em Teoria e História da Arte Moderna e Contemporânea pela City University of New York e graduada em Artes Plásticas pela Universidade de Brasília. Integrou o comitê de indicação do Prêmio Investidor Profissional de Arte – PIPA, para o Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro; a comissão de seleção da Casa da Cultura da América Latina; a comissão de seleção do Prêmio Funarte de Arte Contemporânea/Atos Visuais; a Comissão para o Catálogo de Obras de Arte do acervo da UnB; e a Comissão de Pesquisa de Acervos Artísticos do Prêmio Funarte Pró-Cultura de Estímulo às Artes Visuais. Rosely Nakagawa – Curadora e editora de livros de arte há mais de quatro décadas, é membro dos conselhos do Festival Internacional de Fotografia Paraty em Foco e do Memorial da Cultura Cearense. Foi curadora de exposições de fotografia contemporânea nos museus norte-americanos MoMA, Long Island e Gugguenheim Soho; no Festival Internacional de Fotografia de Arles e no Centro Regional de Fotografia Douchy les Mines (França) e no Museu de Estremoz (Portugal). Realizou também a curadoria da mostra MixSintese de Artistas Nipobrasileiros, no Japão, e da exposição Extreme, no Festival Europalia (Bélgica). Realiza, desde 2010, o programa Entre_Vistas, no SESC Pompeia (SP), com fotógrafos e autores brasileiros, como Tiago Santana, Luiz Braga, Anderson Schneider, Alexandre Belém e Georgia Quintas. Tiago Santana - Editor e fundador da Editora Tempo D’Imagem, especializada em livros de fotografia, é também curador do Instituto da Fotografia (IFOTO), em Fortaleza. Organizou e coordenou diversos festivais e encontros de fotografia no Brasil. Há 28 anos desenvolve ensaios fotográficos autorais pelos quais recebeu os principais prêmios do país, como Porto Seguro, Conrado Wessel, Marc Ferrez e Bolsa Vitae de Arte. É autor dos livros de fotografia Sertão (Photo Poche Société, 2011); Patativa do Assaré – o sertão dentro de mim (2010); O chão de Graciliano (2007); e Benditos (2001). Wagner Barja - Coordenador do Museu Nacional – Conjunto Cultural da República, em Brasília. É artista plástico, curador, arte-educador e conferencista. Possui Notório Saber em Artes Plásticas, Teoria e História da Arte e Arte-Educação, conferido pelo Conselho de Educação Superior do MEC, e é mestre em Arte e Tecnologia das Imagens pela Universidade de Brasília. Entre seus projetos curatoriais recentes estão Diálogos da resistência – Acervo do Museu de Arte de Brasília; Hélio Oiticica – O museu é o mundo; Aberto Brasília – Intervenções urbanas; Coletivos urbanos – A performance e o corpo na obra de arte; A imaginação no poder – Gérard Fromagner; Entre séculos – Arte brasileira; e Novo rosto – Breve antologia do autorretrato. Serviço: Foto Capital De 1º a 4 de setembro Leituras de Portfólio Dias: 1º e 2 de setembro Horário: Das 16h às 20h Local: Galeria A Casa da Luz Vermelha SCES Trecho 02 Conjunto 31 – ASBAC Brasília-DF Inscrições gratuitas pelo site do evento: www.fotocapital.net Oficinas de Fotografia 8 horas/aula Dias: 2 e 3 de setembro Horário: Das 9h às 13h Local: Centro Universitário IESB Campus Sul SGAS Quadra 613/614, Asa Sul Brasília-DF Inscrições gratuitas pelo site do evento: www.fotocapital.net Mesa-redonda Fotografia Contemporânea no Brasil - Perspectivas e Possibilidades Local: Auditório do Museu Nacional da República Horário: das 16h às 17h30 Entrada gratuita Livre para todos os públicos Foto Escambo Local: Auditório do Museu Nacional da República Horário: das 17h30 às 19h Entrada gratuita Livre para todos os públicos Mais informações: www.fotocapital.net Telefone: (61) 2878-9100 Informações para a imprensa: Assessoria de Imprensa: Agenda KB Comunicação Contato: Luiz Alberto Osório e-mail: luiz.alberto@agendakb.com.br Telefones: (61) 3344-0143 / (61) 8116-4833 Skype: luiz.alberto.osorio

Actualizado

el 04 ago de 2016

Contactar

¿Quieres contactar con el gestor de la ficha?

Descubre más obras en ARTEINFORMADO

{{ artwork.title | limitTo:16 }}, {{ artwork.year }}
{{ artwork.artistName | limitTo:28 }}
Compártelo en redes
01 jul - 30 jul
Certamen en Madrid, España
ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

Más información

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme
volver arriba