¿Tienes menos de 35 años? ¡Participa en LA ARTEINFORMADA - próxima generación 2020! ¡Visibilízate!
Ultramar
Evento finalizado
08
dic 2018
26
ene 2019

Compártelo en redes

Cuándo: 08 dic de 2018 - 26 ene de 2019
Inauguración: 08 dic de 2018
Dónde: Referência Galeria de Arte / SCLN 202, Bloco B Loja 11, Subsolo - Asa Norte / Brasília, Distrito Federal, Brasil
Organizada por: Referência Galeria de Arte
Artistas participantes: Adriana Rocha, Ana Michaelis, Celso Orsini
Enlaces oficiales Web 
Publicada el 18 dic de 2018      Vista 13 veces

Descripción de la Exposición

Formado pelos artistas visuais Adriana Rocha, Ana Michaelis, Celso Orsini, Cris Ioschpe, Patricia Furlong e Reynaldo Candia, o grupo Em Branco apresenta a mostra “Ultramar”. Em exibição até o dia 26 de janeiro na Sala Acervo, a exposição traz obras dos artistas em óleo e acrílica sobre tela e colagens. O título da mostra é emprestado da cor azul ultramar. “Ainda que não exista a interferência de um artista sobre a obra de outro, esta é uma linha que costura a organização da exposição. É uma cor recorrente em nossas obras, mesmo quando estão sob camadas de veladuras ou são apenas fios”, afirma Adriana Rocha. Adriana Rocha lida com o conceito da ruína como destruição ou apagamento da memória, sendo a própria pintura constituída por um movimento contínuo de construção e destruição. Como em uma reescrita, a imagem restante, construída, traduz essa colagem de tempos e de memórias. Ana Michaelis constrói paisagens imaginárias, desabitadas, misteriosamente guardadas atrás das diluídas camadas de tinta branca, na busca do silêncio. A série “Fractal” são pinturas que sugerem um sentindo de tempo alongado, infinito, criando um ambiente de reflexão. Celso Orsini, cujo trabalho sempre foi bastante inspirado pela simbólico mineiro, aborda a questão temporal na pintura, compondo imagens geométricas através da sobreposição de camadas. O assunto da pintura é o espaço e a cor. Cris Ioschpe atuando na área da gravura e da pintura. Seus trabalhos mais recentes são criados a partir da fragmentação e fusão de imagens. Nas pinturas atuais, o azul do céu e da água são protagonistas. De caráter intimista, pinceladas criam uma atmosfera invernal, uma luz do amanhecer ou do anoitecer. Não se trata de preencher o vazio, é preciso evidenciá-lo.

Actualizado

el 18 dic de 2018

Descubre más obras en ARTEINFORMADO

{{ artwork.title | limitTo:16 }}, {{ artwork.year }}
{{ artwork.artistName | limitTo:28 }}
Compártelo en redes
15 dic - 14 ene
Feria de arte Online.
ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

Más información

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme
volver arriba