© Henrique Pavão
Evento finalizado
28
oct 2017
21
ene 2018

Compártelo en redes

Cuándo: 28 oct de 2017 - 21 ene de 2018
Inauguración: 27 oct de 2017 / 22:00
Precio: Entrada gratuita
Dónde: Culturgest Porto / Edifício Caixa Geral de Depósitos. Avenida dos Aliados nº104. 4000-065 / Oporto, Porto, Portugal
Comisariada por: Delfim Sardo
Organizada por: Fundação Caixa Geral de Depósitos - Culturgest
Artistas participantes: Henrique Pavão
Enlaces oficiales Web 
Etiquetas:
Publicada el 12 sep de 2017      Vista 156 veces

Descripción de la Exposición

A obra ainda necessariamente curta de Henrique Pavão (Lisboa, 1991) revela uma preocupação com a temporalidade e a memória apresentada em diversos suportes. A utilização do vídeo, da escultura, da fotografia ou do som decorre sempre das necessidades específicas de cada projeto ou situação que o artista propõe. Para a Culturgest Porto, Henrique Pavão concebeu uma instalação que joga com a degradação de esculturas aparentemente minimais, especificamente pensada tendo em conta o edifício da Culturgest e a sua morfologia, nomeadamente a zona das caixas fortes. As tónicas na temporalidade, na observação e na inacessibilidade são transportadas do seu trabalho anterior, mas ligam-se indissociavelmente à estrutura arquitetónica da antiga sede bancária. A vigilância permanente do processo de degradação dos objetos escultóricos, quase minimais quando realizados mas progressivamente convertidos em detritos, revela uma paixão pela escatologia do tempo que é um reflexo da nossa própria transitoriedade. Esta intervenção constitui a primeira exposição em contexto institucional de Henrique Pavão, que estudou escultura em Lisboa e artes visuais em Malmö, na Suécia.

Actualizado

el 12 sep de 2017 por ARTEINFORMADO

Descubre más obras en ARTEINFORMADO

{{ artwork.title | limitTo:16 }}, {{ artwork.year }}
{{ artwork.artistName | limitTo:28 }}

Noticias relacionadas

Compártelo en redes

Exposición en promoción

Exposición en promoción

ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

Más información

¡Suscríbase y reciba regularmente nuestro Boletín de Noticias del Mercado del Arte!

Suscribirme
volver arriba